Bannerid

quinta-feira, 19 de março de 2015

Atentado terrorista na Tunísia contra cruzeiristas


Jornais relatam que vários homens armados invadiram o Museu do Bardo em Tunis, na Tunísia, nessa quarta-feira matando turistas, civis tunisianos e um policial e deixando duas dezenas de feridos. Os turistas eram passageiros de navios de cruzeiro que estavam na cidade.
Imagem do Porto de La Goulette por ca.wikipedia.org

Dois navios de cruzeiro estavam atracados no porto de La Goulette (MSC Splendida e Costa Fascinosa) e enviaram milhares de passageiros para a cidade em excursões. A CNN diz que alguns dos passageiros de cruzeiro estavam chegando ao museu no momento do ataque. A CBS News diz que os terroristas estavam vestidos com uniformes da polícia e alvejaram o ônibus de turismo assim que chegaram ao museu.
 
Túnis é uma cidade muito visitada por navios que realizam cruzeiros no Mediterrâneo e o Museu do Bardo é uma das principais atrações da cidade.
Comentaristas acreditam que o grupo é filiado a uma organização terrorista islâmica chamada ISIS. A Tunísia é um importante campo de recrutamento para ISIS. 

A Costa Cruzeiros afirmou em seu site que o Costa Fascinosa deixou o porto de Túnis às 13:55. Após a partida, o capitão informou que 13 passageiros não haviam retornado para o navio. Hoje um casal de espanhóis foi encontrado escondido dentro do Museu sem ferimentos.

Nossas condolências a todas as vítimas envolvidas nesse atentado terrorista.

As companhias MSC e Costa emitiram notas em suas páginas do facebook sobre o ocorrido em Túnis (para abrir clique sobre os nomes).

Fontes: Cruise Law News, site O Globo, blog Guga Chacra


2leep.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário