Bannerid

sábado, 11 de dezembro de 2010

Rebocadores



Os rebocadores são embarcações preparadas para ajudar nas atracações e desatracações de navios em um porto. Com grande força de propulsão, eles são capazes de empurrar ou puxar os grandes cargueiros na direção desejada, o que dá maior segurança à operação portuária.
Rebocador Jaguaribe no Porto de Maceió
 

É comum observar estas pequenas embarcações acompanhando os grandes navios que entram e saem do Porto de Santos. Isto é necessário devido às curvas existentes no canal de navegação, no acesso aos terminais marítimos. Quatro empresas prestam serviço de rebocagem no Porto. São elas a Sulnorte, a Tug Brasil, a Smit e a Saveiros (Grupo Wilson, Sons). A Wilson, Sons, inclusive, mantém na região um estaleiro especializado na construção e no reparo destas embarcações. A instalação fica em Guarujá, próximo aos atracadouros de balsas da travessia para Santos. No total, estas empresas disponibilizam 18 rebocadores, sendo 14 azimutais e quatro convencionais. Estes últimos se movimentam somente para frente e para trás, como um carro. Já o rebocador azimutal pode girar 360 graus sobre o próprio eixo, o que facilita a operação. O custo de um modelo como este é de pelo menos US$ 5 milhões.


Rebocador Cepheus em Santos


Rebocadores Smit Tupi e Smit Ticuna em Santos


Nenhum comentário:

Postar um comentário